A Reação de um Mundo Extinto Há Milhões de Anos

Há milhões de anos atrás tornaram se abundantes na terra uma fauna e flora rica em diversidade, que hoje por consequência da própria natureza estão extintos. Mas até hoje em meio a modernidade do séc XXI, perpetuaram resquícios deste desconhecido mundo natural.

Vocês sabiam que o petróleo também conhecido como “ouro negro”, vem da deposição, no fundo de lagos e mares, de restos de animais e vegetais mortos ao longo de milhares de anos? Então a tinta da caneta que usamos para escrever a lista de compras para o supermercado é feita de um material derivado do petróleo, cuja sua origem é uma feliz conseqüência da própria natureza.

Em um fim de tarde de um belo domingo, preparamos um chimarrão para tomar na praça em frente a nossa casa, não nos passa a mente de que exatamente naquele lugar em uma época muito remota, talvez tenha sido o ponto crucial de uma disputa de território entre répteis gigantes. Aquela montanha que desejamos escalar um dia, poderá ter sido o ponto de partida de vôo de um réptil pré-histórico voador.

Os ramos da grande árvore da vida estão sempre em contínuo desenvolvi-mento, tornando possível toda a evolução, seja a evolução humana ou a evolução de um peixe. Estamos, sem perceber, em contato direto com as diversas variações de fauna e flora de nosso planeta e a complexidade de cada organismo, que vive dia após dia com apenas um objetivo, sobreviver.

Em nosso jardim, percebemos em frente a uma flor um simpático Beija-Flor, de porte pequeno, sua plumagem iridescente, com um bico longo para melhor acesso ao seu mais preferido alimento, e sem deixar de perceber, que para sugar o néctar da flor ele deverá exercer tamanha velocidade no bater das asas, chegando a 80 vezes por segundos. Quando imaginaríamos que um animal tão pequeno sofreria tantas adaptações e as exerceria com tamanha elegância.

Por fim, temos a honra de desfrutar todos os dias deste magnífico mundo natural do qual todos fazemos parte. E aqueles animais e plantas que apenas por vestígios fósseis podemos ter uma pequena percepção de suas vidas na terra, são e continuarão sendo um dos grandes mistérios da natureza.

Tratemos a natureza com respeito e grande cuidado, para que assim não se percam nossos tesouros naturais.

 

Camila Corrêa, acadêmica de Biologia

 

Para saber mais:

· Atlas Visual – Aves

· Aventura Visua l – Dinossauros, Ed. Globo



                            

Comments are closed.